O emprego na Escola de Aprendizes-Marinheiros

COMANDO DA MARINHA DIRETORIA DE ENSINO DA MARINHA EDITAL DE 19 DE JANEIRO DE 2017 – CONCURSO PÚBLICO DE ADMISSÃO ÀS ESCOLAS DE APRENDIZES-OS MARINHEIROS (CPAEM) EM 2017.

O COMANDO DA MARINHA, por meio de sua DIRETORIA de EDUCAÇÃO publicou o Aviso de 19 de janeiro de 2017 abrindo as inscrições para o Concurso Público de Admissão às Escolas de Aprendizes-Marinheiros em 2017.

De acordo com o regulamento do concurso, podem se aplicar para os homens solteiros de todo o Brasil, que ainda não formaram uma união estável, e que deve permanecer assim durante o tempo em que eles estão sujeitas às normas estabelecidas pela Escola de Aprendizes-Marinheiros. Portanto, façamos uma reflexão sobre esta oportunidade e sobre os requisitos e ver que a cada dia há menos emprego, menos oportunidade de trabalho, e concluímos que a melhor coisa para nós é o trabalho, a dignidade de cidadãos. Esta oportunidade que a Marinha oferece é a materialização de nossas necessidades e vem para atender aqueles que querem construir seu futuro, já que a Marinha se aproveitou de sua graduação para o posto de suboficial, portanto, é tempo para abordar este desafio. Vamos honrar a nossa Bandeira!

Inscrição: a INSCRIÇÃO é obrigatória para todos os candidatos e deverá ser realizada no período das 8h do dia 1 de fevereiro de 2017 até as 23: 59 do dia 06 de março de 2017, preenchendo o formulário disponível nos seguintes endereços eletrônicos: www.ensino.mar.mil.br ou www.ingressonamarinha.mar.mil.br. Dependendo da preferência de cada candidato para a inscrição poderá ser feita pessoalmente nas Organizações Militares da Marinha responsáveis pela Execução Local (OREL) nas seguintes cidades: Rio de Janeiro/RJ, São Pedro da Aldeia/RJ, Angra dos Reis/RJ, Nova Friburgo/RJ, Vila Velha/ES, Salvador/BA, Natal/RN, Olinda/PE, Fortaleza/CE, Belém/PA, São Luís/MA, Rio Grande/RS, Porto Alegre/RS, Florianópolis/SC, Ladário/MS, Brasília/DF, São Paulo/SP, Santos/SP e Manaus/AM; A taxa de inscrição é no valor de R$ 30,00 (trinta Reais).

QUEM PODE candidatar-se: a) O brasileiro nato ou naturalizado; b) não ser casado ou não ter formado uma união estável, assim permanecendo enquanto você estiver sujeito aos regulamentos da Escola de Aprendizes-Marinheiros; (c) ser maior de 18 (dezoito) anos de idade e menos de 22 (vinte e dois) anos de idade no primeiro dia do mês de janeiro de 2018, nos termos da Lei nº. 12.704, de 08 de agosto de 2012; (d) ter concluído, com sucesso, a Escola secundária até a data especificada no Calendário de Eventos para a verificação de documentos; e) tem bom fundo de condutas, a ser apurada através da investigação de sua vida pregressa, através da VDB. Se militar ou membro da Polícia ou do corpo de bombeiros Militar em atividade, apresentar, na data do início do Período de Adaptação, previsto no Calendário de Eventos (anexo II do edital), atestado de bons antecedentes, emitido pela autoridade a quem estiver subordinado, conforme modelo constante na página oficial da DEnsM na Internet e disponível nas OREL do Anexo I do Edital; (f) não ter sido reprovado, por insuficiência de nota de conceito ou por falta disciplinar incompatível com a condição de militar, em C-FMN; (g) estar autorizado pela respectiva Força Armada ou Auxiliar de Alimentação, no caso de militar ou membro da Polícia e do corpo de bombeiros Militar, em atividade. Se os militares da Marinha do Brasil (MB), o candidato deve cumprir com os procedimentos de comunicação de inscrição em Concurso Público; (h) as obrigações do Serviço Militar e da Justiça Eleitoral; (i) não estar na condição de réu em ação penal; (j) não ter sido, nos últimos cinco anos, em conformidade com a legislação vigente: (I) responsabilizado por ato lesivo ao patrimônio público de qualquer esfera de governo em processo disciplinar administrativo, que não cabe mais recurso, contado o prazo a partir da data do cumprimento da sanção; ou (II) condenado em processo criminal com sentença transitada em julgado, contado o prazo a partir da data da execução da pena. k) se ex-integrante de qualquer uma das Forças Armadas ou de Alimentação Auxiliar, não ter sido excluído ou licenciado a bem da disciplina, salvo em caso de reabilitação; (l) efetuar o pagamento da taxa de inscrição ou de pedido de isenção conforme previsto no item 3.4 do edital; m) possuir registro no cadastro de Pessoas físicas (CPF); n) possuir documento oficial de identificação, com fotografia, dentro da validade; e o) cumprir as demais instruções específicas para o Concurso Público.

BENEFÍCIOS: A Formação de Marinheiros para a Ativa é totalmente gratuito. Seu curso é proporcionado alimentação, uniforme, assistência médico-odontológica, psicológica, social e religiosa; o Aprendiz-Marinheiro vai perceber remuneração com relação à sua graduação, como previsto na Lei de Remuneração dos Militares.

NOTA: Recomendamos que leia cuidadosamente o Anúncio deste Concurso, devido às suas particularidades e a grande quantidade de informações contidas e os requisitos a serem preenchidos pelos candidatos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *